Prefeitura inicia transporte dos resíduos sólidos até Adamantina
menu Governo de Presidente Prudente

Prefeitura inicia transporte dos resíduos sólidos até Adamantina

Terça-feira, 9 de Novembro de 2021

Prefeitura inicia transporte dos resíduos sólidos até Adamantina

A Prefeitura de Presidente Prudente, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semea), deu início ao processo de transporte dos resíduos sólidos até Adamantina, onde está localizado o aterro sanitário da Nova Alta Paulista Ambiental, empresa vencedora do processo licitatório realizado em caráter de emergência. O prefeito Ed Thomas, o secretário da Semea, Fernando Luizari, o diretor-presidente da Prudenco, Valdecir Vieira,e o representante da empresa, Eresvaldo Vicente Pereira, acompanharam o transbordo dos primeiros caminhões, que aconteceu na manhã desta terça-feira (09/11).

Considerando o fim da vida útil do aterro municipal, foi construída uma estrutura provisória para o transbordo, na mesma área do aterro. O paredão, preparado pela equipe da Prudenco, é composto por peças de concreto, no formato ‘lego’, com blocos de 2,5 toneladas cada. Segundo Luizari, essa estrutura funcionará provisoriamente, pois a empresa está em fase final de instalação da plataforma definitiva, com pressão negativa, filtro e licença de instalação.

O secretário da Semea também explicou a tomada de decisão. “É uma ação emergencial, pois não temos mais capacidade de suporte. O aterro corre risco de desmoronamento, caso continue recebendo os resíduos. O transbordo é a via mais segura para nossos colaboradores. Essa é a nossa decisão, que teve como base a segurança e a condição de trabalho”, relatou Luizari.

Conforme o prefeito Ed Thomas, o problema do aterro perdura por 30 anos, se arrastando por várias gestões. “As adequações feitas durante todos esses anos não foram suficientes. A engenharia não foi suficiente. A produção é muito grande. Todos nós somos responsáveis. Precisamos por a mão na consciência, separando o que dá para reaproveitar. Tudo isso custa muito caro e quem paga somos todos nós”.

De acordo com Valdecir Vieira, diretor-presidente da Prudenco, 40% do lixo pode ser reaproveitado, caso seja separado da maneira correta.

A cidade de Presidente Prudente produz cerca de 240 toneladas de lixo por dia. Cada caminhão tem capacidade de transportar entre 45 e 50 toneladas, ou seja, serão necessários seis caminhões por dia, aproximadamente. O contrato com a Nova Alta Paulista Ambiental tem vigência de seis meses, com possibilidade de prorrogação.

Segundo Eresvaldo Vicente Pereira, representante da Nova Alta Paulista Ambiental, os resíduos sólidos transportados daqui serão depositados no aterro sanitário de Adamantina, que hoje opera dentro das licenças da Cetesb, totalmente impermeabilizado, com capacidade de recebimento de até 1000 toneladas de lixo/dia e por até 48 anos. “Com os resíduos de Presidente Prudente, atingiremos cerca de 300 toneladas por dia, ainda com bastante margem da nossa capacidade de operação”.

A Nova Alta Paulista Ambiental também é responsável pela destinação dos resíduos de outros municípios, como Adamantina, Lucélia, Irapuru, Nova Independência, Santa Mercedes, Mariápolis e Pracinha.

 

Fonte: Secretaria de Comunicação

Galeria de Fotos

Autor: Marcos Sanches
Autor: Marcos Sanches
Autor: Marcos Sanches
Autor: Marcos Sanches
Autor: Marcos Sanches
Autor: Marcos Sanches
Autor: Marcos Sanches
Autor: Marcos Sanches
Autor: Marcos Sanches
Autor: Marcos Sanches
Autor: Marcos Sanches
Autor: Marcos Sanches

Outras notícias

Unidades Administrativas
Acesso Rápido
Últimas Notícias

Município de Presidente Prudente

Av. Coronel José Soares Marcondes nº 1200. CEP: 19010-081 Presidente Prudente - São Paulo Telefone: (18)3902-4400 CNPJ: 55.356.653/0001-08