Prudente avança na área de proteção ambiental e protege matas nativas na área urbanaGoverno de Presidente Prudente
Presidente Prudente é bom viver aqui
Fale Conosco

RSS Notícias

Prudente avança na área de proteção ambiental e protege matas nativas na área urbana

Segunda-feira, 22 de Março de 2010

Prudente avança na área de proteção ambiental e protege matas nativas na área urbana

A Secretaria Municipal do Meio Ambiente, pela qual responde o secretário Fernando Luizari, deu início na manhã desta segunda-feira (22/03), aos trabalhos de transformação e preservação de fundos de vale de Presidente Prudente. A ação, realizada em parceria com o Ministério Público do Estado (MPE), contempla oito bairros da cidade, sendo eles Jardim Planalto, Brasil Novo, Jardim Paraíso, Vale do Sol, Jardim Mediterrâneo, Green Ville, Parque São Lucas e Inocoop. Hoje, segundo o secretário da pasta, as equipes começaram a atuar em pelo menos dois deles: Vale do Sol, onde ocorre a limpeza do local, e Paraíso, onde a equipe deslocada para o serviço executa o trabalho de topografia.

Segundo Luizari, no Vale do Sol funcionários se revezam para retirada de arbustos, lixo e entulho dos locais onde serão construídas as calçadas e colocados os alambrados. “No local, existe muita leucena, que é uma espécie invasora de vegetação. Lá, é feito não só sua remoção, mas como também de árvores onde serão construídas as calçadas”, explica. Já os serviços de topografia e medições do fundo de vale do Jardim Paraíso, completa ele, é necessário, para precisar a quantidade exata de quantos metros de alambrado serão necessários para entorno do local. “Sabemos, por enquanto, a quantidade aproximada e necessária para tal, porém, não precisa”, completa.

O objetivo de transformar os fundos de vale, segundo Luizari, visa preservar e recuperar as matas nativas existentes na área urbana, bem como inibir o depósito de lixo e entulhos irregular. Ao todo, serão investidos R$ 1.180.263,93, para cercamento das áreas com alambrado e construção de calçadas ecológicas e normais. A previsão é de que em todos os locais os serviços sejam encerrados até julho deste ano, até mesmo visando atender a solicitação do promotor de Justiça e titular do Grupo de Atuação Especial de Meio Ambiental (Gaema) – núcleo Pontal do Paranapanema – Nelson Bugalho.

Conforme já informado, no Planalto serão aproximadamente 431 metros de cercamento com alambrado. No Brasil Novo, serão cerca de 300 metros, e no Vale do Sol, 1.450 metros de cercamento. No Inocopp, as obras de cercamento com alambrado vão custar R$ 40 mil. No Parque Ecológico São Lucas, o investimento chega a R$ 508.605,11, sendo que deste montante, R$ 382,4 mil serão destinados para obras de infra-estrutura de cercamento e R$ 126.205,11 para a construção de calçadas e estacionamento.

Já para a execução dos serviços em área que contempla o Jardim Mediterrâneo e o bairro Green Ville, serão investidos R$ 178.484,21. A construção de calçadas nos jardins Vale do Sol e Planalto estão orçadas em R$ 94.937.83. E por fim, as obras de cercamento com alambrado nos mesmos bairros (Vale do Sol e Planalto), além do Brasil Novo, vão custar R$ 179.752,57.

Fonte: ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO

Versão para impressão Imprimir
Últimas Notícias
acesso rápido

Pesquisa


Mais Acessados

Destaques

Denúncia CCZTelefones Procon

Fale com a Prefeitura

Canal direto para você entrar em contato e tirar dúvidas, solicitar informações, etc...

Encontre-nos



MUNICÍPIO DE PRESIDENTE PRUDENTE
Av. Coronel José Soares Marcondes nº 1200. CEP: 19010-081
Presidente Prudente - São Paulo Telefone: (18)3902-4400
CNPJ: 55.356.653/0001-08