menu Governo de Presidente Prudente

Em parceria, Prefeitura e Casa da Agricultura recuperam erosões de pequenas propriedades

Quinta-feira, 11 de Abril de 2019

Em parceria, Prefeitura e Casa da Agricultura recuperam erosões de pequenas propriedades

A Secretaria de Estado de Agricultura e Abastecimento (SAA) mantém um convênio com a Prefeitura de Presidente Prudente por meio da Casa da Agricultura do município. A partir deste documento, vários projetos são realizados com o apoio de técnicos municipais que prestam serviço para o órgão.

Um destes projetos, concluído no final de março deste ano, tem o objetivo de recuperar as áreas degradadas de propriedades rurais situadas no bairro rural Umuarama, que fica a dez minutos do centro de Prudente, próximo ao aeroporto. A iniciativa recuperou uma área de 10 hectares, sendo três erosões que afetavam três pequenas propriedades.

Ao todo, 41 famílias que moram no bairro rural foram beneficiadas em 2001 pelo programa do Governo Federal, o Fundo de Terras e da Reforma Agrária, conhecido como Banco da Terra que financiou a compra de 4,3 ha em média por família.

O projeto Integra SP – Radge, voltado à Recuperação de Áreas Degradadas por Grandes Erosões, foi iniciado em dezembro deste ano e trouxe vida nova para as propriedades atingidas pelas erosões, ou voçorocas.

As erosões, além de desvalorizarem as propriedades, causam a diminuição da produtividade, risco de multas por danos ao meio ambiente e danos para os rios e nascentes, pois a enxurrada carrega solos para os leitos provocando o assoreamento.

Foram realizadas operações de recuo da camada superficial da área, quebra de barrancos e taludes, preenchimento das voçorocas, construção de terraços e retorno da camada superficial. A última etapa contou com o calcariamento e plantio de grama da espécie "Brachiaria decumbens" para cobertura vegetal da área, que recebeu as benfeitorias.

“Foi muito bom pra gente. Agora dá gosto de olhar a terra, estou esperando a grama formar para colocar gado na área”, disse o produtor rural Augusto Grotto, de 73 anos, um dos favorecidos com o programa e que desde 2001 mora na área. Ele disse que se não fosse a subvenção do programa, que garante que ele desembolse apenas 10% do que foi investido, ele não teria como corrigir o problema de erosão da propriedade.

Segundo Wanderley Martins Groto, funcionário da Prefeitura de Presidente Prudente designado para a Casa da Agricultura, cada produtor desembolsou em média R$ 800,00 para ter o benefício.

É que o projeto é realizado na forma de subvenção econômica por intermédio do FEAP/BANAGRO, Fundo de Expansão do Agronegócio Paulista. O programa abrange projetos com valor de até R$ 25 mil.

A coordenadora da agricultura da Sedepp (Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico), Liliane Spegiorin Maciel, explica que o projeto poderá ser levado a outros produtores. “Os interessados devem procurar a Casa de Agricultura para obter informações ou a coordenadoria de agricultura da Sedepp, para que possamos avaliar se a propriedade se encaixa no perfil e depois encaminhar à Secretaria da Agricultura”, afirmou.

Outras informações no telefone da Sedepp, que é 3918-4200, ou da Casa da Agricultura de Presidente Prudente, que é o 3221-1423.

Fonte: Secretaria Municipal de Comunicação

Galeria de Fotos

Autor: Marcos Sanches
Autor: Marcos Sanches
Autor: Marcos Sanches
Autor: Marcos Sanches
Autor: Cedida
Autor: Cedida
Autor: Cedida
Autor: Cedida

Outras notícias

Unidades Administrativas
Últimas Notícias
Acesso Rápido

Município de Presidente Prudente

Av. Coronel José Soares Marcondes nº 1200. CEP: 19010-081 Presidente Prudente - São Paulo Telefone: (18)3902-4400 CNPJ: 55.356.653/0001-08