Campanha quer prevenir violência contra criança e adolescentes
menu Governo de Presidente Prudente

Campanha quer prevenir violência contra criança e adolescentes

Sexta-feira, 15 de Fevereiro de 2019

Campanha quer prevenir violência contra criança e adolescentes

O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente e a Secretaria de Assistência Social lançaram nesta semana uma campanha orientativa com o objetivo de informar a população como proceder em caso de violência praticada contra crianças e adolescentes.

A campanha, que tem como slogan “Não deixe de ver o que os olhos não veem“, aborda os vários tipos de violência praticada contra as crianças e adolescentes, a violência física, a violência psicológica, a violência sexual e a negligência e abandono.

Segundo a secretária municipal de assistência social Fabiana Sales Macedo, a violência praticada contra criança e adolescente diminui a autoestima, impede seu desenvolvimento da criança. Quando não denunciada, os agressores ficam impunes, e o prolongamento da exposição à violência faz com que a criança e o adolescente se sintam culpados e achando ser normal. “ Não podemos compactuar com esse mau. Denunciar é a melhor forma de impedir que isso se propague”, afirma a secretária.

A presidente do CMDCA – Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, Ariane Vieira Jacintho explica que serão distribuídos materiais impressos, como folhetos, em várias escolas e outros serviços como CRAS, CREAS e as organizações da sociedade civil. Também será divulgada a informação nos meios de comunicação de massa, como rádio, nas mídias sociais e internet e painéis em ônibus urbano, os chamados “bus door”.

Ela informa que os casos de violência registrados através do Conselho Tutelar, nos últimos três meses, ou seja, de novembro de 2018 a janeiro de 2019 são de violência física (33 casos), sexual, (34 casos), negligência , (41 casos) e violência psicológica (10 casos).

“Estes casos são os que chegam até o Conselho, porém existem ocorrências que não chegam ao nosso conhecimento, por isso, a necessidade de fazer a campanha chegar de forma mais abrangente possível”, disse Ariane.

Um dos destaques é a divulgação do Disque 180, telefone que recebe as denúncias que podem ser realizadas de forma anônima.

O folheto explica que muitas crianças e adolescentes sofrem várias formas de violência e é dever de todos proteger e garantir proteção, felicidade, amor e carinho.

Um das orientações diz respeito à violência física, que consiste no ato de machucar de forma intencional e deixar no corpo hematomas, fraturas, queimaduras, cortes entre outros sinais de violência.

Também existe a violência psicológica, que se baseia em atitudes e ações que podem constranger, envergonhar, censurar, pressionar e prejudicar o desenvolvimento físico e intelectual e há ainda o abuso sexual , relacionado à exploração do corpo e da sexualidade de crianças e adolescentes, que deixam marcas permanentes e invisíveis aos olhos .

Outro tipo, e a negligência e abandono, que é caracterizada pelo ato do não cuidar ou cuidar mal de uma criança ou adolescentes pela qual se é responsável.

Mais informações sobre a campanha ligue para o telefone do CMDCA- 3222-3211.

Fonte: Secretaria de Comunicação

Galeria de Fotos

Autor: Divulgação

Outras notícias

Unidades Administrativas
Últimas Notícias
Acesso Rápido

Município de Presidente Prudente

Av. Coronel José Soares Marcondes nº 1200. CEP: 19010-081 Presidente Prudente - São Paulo Telefone: (18)3902-4400 CNPJ: 55.356.653/0001-08