Na manhã desta terça (02), o secretário de Meio Ambiente, Fernando Luizari Gomes, se reuniu na sede da Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) com a secretária da pasta, Márcia Lima, com o objetivo de alinhar os procedimentos do Abrigo de Animais e do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ).

Na reunião, além dos secretários, também estiveram presentes, o gerente do CCZ Ricardo Santos “Pisca”, a responsável pelo Abrigo de Animais Cássia Calderan Cordobe, a coordenadora da Vigilância Epidemiológica Municipal (VEM) Vânia Maria Alves, além dos veterinários de ambas as instituições.

Durante o encontro, também ficou definido o protocolo de denúncias, para que o Abrigo possa recolher os animais. Todas as denúncias de maus-tratos e abandono deverão ser feitas pelo canal 156. Com as informações em mãos, os veterinários farão a visita para averiguar a situação. Se constatado o caso como maus tratos ou abandono, os animais serão levados para o abrigo. Em caso de animais com doenças referentes ao Centro de Zoonoses, os animais serão encaminhados para o CCZ.

O secretário do Meio Ambiente salientou a importância do CCZ e do Abrigo trabalhar em parceria, principalmente nesse primeiro momento.

“O Abrigo de Animais veio para somar com o CCZ. Dessa forma vamos poder dar um atendimento de melhor qualidade para os animais que precisam de cuidados, tanto na questão da zoonose, como no caso de tratamento para posterior adoção”, disse o secretário a Semea.

Fonte: Secretaria de Comunicação